Tag: agronegócio

café

Café mineiro, negócio da semente à xícara

Reza a lenda, que ao chegar à casa de um mineiro haverá: café fresquinho, quitutes e uma fornada de pão de queijo. Quem é...

Produção de primeira

Com a participação no projeto Educampo Leite, 60 produtores de Araxá aprendem a gerenciar seus negócios, transformando-os em verdadeiras empresas rurais Quando recebeu a fazenda...

Com a cara de Minas

Produtos típicos do agronegócio mineiro ganham força e visibilidade no mercado A diversidade e a riqueza do agronegócio mineiro estarão sob os holofotes mundiais durante os grandes eventos esportivos realizados no...
Oportunidades para Crescer - blog Sebrae-MG Com Você

Negócios em expansão

Cafeicultores participam de missão a Nova York para divulgar o produto e ampliar sua atuação no exterior Famosa pelo café de alta qualidade, a região...

Bom exemplo floresce no Sul de Minas

  Fazenda das Almas conjuga lucratividade com responsabilidade social e ambiental No Sul de Minas Gerais, principal região produtora de café no mundo, a Fazenda das...

Prêmio MPE Brasil tem 27 finalistas em Minas Gerais

As micro e pequenas empresas mineiras vencedoras da etapa estadual do Prêmio MPE Brasil 2011 serão divulgadas no dia 7 de dezembro. Concorrem à 16ª edição da premiação, 27 empresas classificadas entre as mais de 5.128 inscritas em Minas Gerais. O prêmio estimula a qualidade e divulga experiências inovadoras em gestão de micro e pequenas empresas. Os vendedores serão conhecidos durante cerimônia realizada no Minascentro, às 19h, em BH.

Estudo revela 132 oportunidades para o agronegócio na Copa

A Copa do Mundo FIFA 2014 promete ser bastante lucrativa para as empresas do agronegócio, com destaque para a produção orgânica. Das quase 930 oportunidades identificadas por estudo feito pelo Sebrae em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) nas 12 cidades-sede, 132 estão na agricultura e na pecuária.

Copa deve gerar negócios para 7,7 mil pequenas empresas

A Copa do Mundo de 2014 deve gerar oportunidades de negócios para 7,7 mil micro e pequenas empresas (MPE) nas 12 cidades-sede da competição. O número faz parte de estudo encomendado pelo Sebrae junto à Fundação Getúlio Vargas (FGV) e engloba nove setores da economia: construção civil, tecnologia da informação, turismo, produção associada, agronegócio, madeira e móveis, têxtil e confecção, comércio varejista e serviços. Dessas áreas, as quatro primeiras já tiveram seu mapeamento de oportunidades finalizado. A expectativa é mapear todos os setores até abril.

Mais acessados