Como tomar decisões e agir para ter sucesso

0
557
mei migração

Entender como os empreendedores tomam decisões e agem para ter sucesso pode ser um diferencial na hora de criar e gerenciar seu negócio. Mas será que existe alguma forma de saber qual é o melhor caminho a tomar para ser bem-sucedido? Sim existe, e ela se chama effectuation, effectual ou abordagem efetiva.

O que é essa tal de abordagem efetiva? Ela é uma forma de pensar que favorece tanto empreendedores de primeira viagem, quanto quem já tem um negócio, e está precisando inovar. Como isso é possível? A partir do controle do futuro, ou seja, daquilo que parece ser imprevisível.

O effectuation propõe o autoconhecimento antes da busca pelo negócio em si, ou seja, saber quem você é para descobrir em que tipo de empreendimento você pode ter mais sucesso. Como fazer isso? É simples! Basta se fazer três perguntas básicas, mas poderosas: quem eu sou? O que sei fazer? Quem eu conheço?

Parece bobagem, né? Mas essas perguntas são muito válidas pois permitem apostar no que você acredita, a partir do que sabe, com parceria de conhecidos, ao invés de perseguir algo só porque o mercado diz que é promissor. Use-as como mantras e as repita a cada nova decisão.

E como isso ajuda a controlar o futuro? Para Saras Sarasvathy, especialista em empreendedorismo que sistematizou a abordagem efetiva, ao se questionar, você percebe seu propósito, cria seus objetivos, define as perdas aceitáveis, e, finalmente põe a mão na massa. Como? A partir de um modelo em menor escala do seu negócio.

Vamos a um exemplo:

Imagine que você tem dotes culinários incríveis e é capaz de ajudar as pessoas ao seu redor oferecendo pratos saborosos, saudáveis e em conta. Porque você abriria uma empresa de tecnologia que tem alto custo de investimento e exige alto conhecimento técnico? Não seria mais barato e prático testar algo que já conhece, gosta, faz sentido para você e no qual já sabe o que está em jogo?
Parece óbvio? E é mesmo! Basta descobrir seus verdadeiros talentos.

Mas você pode contar com uma forcinha a mais para apostar no empreendimento de seus sonhos, se conhecer os princípios que baseiam a abordagem efetiva. Eles podem ser utilizados como forma de minimizar o uso de previsões e reduzir o risco de cair na cilada das tendências de mercado.

Princípios do effectuation

Bird in the hand: considere aquele ditado “mais vale um pássaro na mão...” É a ideia de começar a trabalhar com o que tem em mãos. Os grandes empresários começaram assim. Valorize o que sabe para solucionar problemas já existentes.

Affordable loss (perdas aceitáveis): quanto você está disposto a apostar para alcançar o que deseja? Defina o valor que está disposto a perder e escolha uma estratégia que crie opções para o futuro no lugar de maximizar o retorno no presente. Limite seus riscos ao invés de partir para o tudo-ou-nada.

Patchwork quilt ou cocriação: cresça por meio de parcerias. Construa parcerias logo no início do negócio e estabeleça alianças estratégicas com quem complementa suas habilidades. Isso reduz os riscos das incertezas e promove criação conjunta.

Lemonade: tem limões? Faça uma limonada! Ou seja, explore as possibilidades das situações, encare as surpresas de forma positiva e aproveite-as para descobrir novas oportunidades e mercados. Não fique imaginando situações. Fuja do “e se”.

Pilot in the plane: lembre-se que o futuro é imprevisível, mas você é o capitão. Concentre-se nas atividades que você controla e avalie quais das suas ações podem leva-lo aos resultados que deseja

Gostou do effectuation? Está motivado a seguir em frente? Então não perca a abordagem efetiva de vista! Ela vale para todos os momentos de um negócio.

Baixe grátis
Acesse mais informações e ferramentas de effectuation no manual Descoberta do Guia Essencial para Novos Empreendedores do Sebrae Minas

Leia Mais
Como abrir empresas de sucesso