Case de Sustentabilidade: Grupo BB

0
185

Produtos promocionais fabricados pelo Grupo BB de Lauro de Freitas (BA) agregam plástico, casca de coco e embalagens longa vida  

Sobre a empresa

Ramo de atuação: Indústria plástica
Tempo de mercado: 12 anos (há seis anos instalada na Bahia)
Localização: Lauro de Freitas/BA
Colaboradores: 70
Como o SEBRAE ajudou essa empresa: Treinamentos e capacitações
Site: www.grupobb.com.br

Foto de Plínio Bevervanso"As lideranças precisam ser preparadas para multiplicar uma verdadeira preocupação com o agir sustentável."

Os impactos do negócio sobre a comunidade e o meio ambiente sempre foram uma preocupação para o Grupo BB, que há mais de dez anos fabrica produtos promocionais de plástico, como canecas, squeezes e camisetas.  A empresa, localizada no município de Lauro de Freitas, na Bahia, está sempre buscando práticas, que possam melhorar a eficiência no processo de produção de seus produtos. “As lideranças precisam ser preparadas para multiplicar uma verdadeira preocupação com o agir sustentável”, explica Plínio Bevervanso, diretor-presidente do Grupo BB .

Além da separação dos resíduos, que são destinados a uma cooperativa local de catadores, os projetos de produção dos brindes promocionais são feitos em circuito fechado, que elimina a geração de resíduos plásticos e reduz o consumo de água em 60% em média. Ao adotar equipamentos ecoeficientes, o empreendimento reduziu o consumo de energia em  torno de 30%.

Apesar de toda linha de produtos ser durável e 100% reciclável, a empresa  lançou recentemente a linha Green de produtos que utilizam 30% de fibras naturais de coco e madeira em substituição ao uso de plástico virgem. Além de ser uma alternativa ambientalmente correta, ao utilizar um produto renovável, que poderia ir para o lixo, a empresa gera renda para as famílias dos catadores de cocos.  A linha de produtos fabricados com embalagens longa vida é outro exemplo de produto sustentável, que reutiliza 100% do material na composição das peças.

Ser sustentável

Plínio explica que para se ter práticas e produtos sustentáveis é preciso entender o que significa efetivamente ser sustentável. “O ser sustentável demanda energia na quebra de diversos paradigmas, demanda esforços constantes na manutenção dos avanços conquistados, seja nas práticas objetivamente ou na mudança do pensar coletivo e individual das equipes”, define. Também significa investimento para adequar a produção e pesquisar alternativas práticas e eficientes, segundo o empresário.

Todos os produtos diferenciados geraram valor agregado nos produtos, resultando no aumento dos lucros do Grupo BB.  A produção sustentável deu mais visibilidade a empresa, que passou a ser associada a práticas sociais e  inovadoras. Plínio diz que essas ações são possíveis, desde que envolvam empresários e colaboradores: “Não podemos ter um discurso diferente da prática e este exemplo começa nas lideranças da empresa”, enfatiza.

O exemplo do Grupo BB mostra que práticas sustentáveis não são adequadas apenas às grandes empresas, uma vez que são as pequenas escolhas que norteiam as mudanças de paradigmas. “Além disto, as práticas sustentáveis são uma tendência mundial e, no futuro, podem ser uma questão de sobrevivência dos negócios”, alerta o empresário.

Fonte: Vanessa Brito

Garanta o reconhecimento que seu negócio merece. Participe do Prêmio Sebrae-MG de Práticas SustentáveisSe também quer que sua empresa seja reconhecida, inscreva-se no Prêmio Sebrae-MG de Práticas Sustentáveis.