6 perguntas sobre divulgação de empresas

0
1882
pessoas_segurando_balões_de_divulgação

Os proprietários de micro e pequenas empresas normalmente se questionam se realmente é necessário divulgar sua marca e seus produtos. Toda empresa, independentemente do tamanho, precisa se comunicar com seus clientes e com o mercado. Já diz o ditado: “Quem não é visto não é lembrado. ” Por isso, é preciso saber tudo sobre divulgação de empresas. Confira nossas considerações para perguntas frequentes sobre o tema.

1. Como divulgar meu negócio?

O ideal é ter acompanhamento de algum profissional de comunicação, que entenda bem como funciona uma pequena empresa. Ele ajudará o empresário a fazer as escolhas certas e acompanhar as rápidas transformações no mundo. Mas, caso não seja possível, é importante que o empresário conheça bem seu mercado e seus clientes. E também estude e compreenda como se comunicar com os recursos que tem disponíveis.

Boa parte das pequenas empresas não possui recursos específicos para fazer uma boa campanha de divulgação, pelos métodos tradicionais. Ou seja para fazer anúncios em televisão, jornal ou revistas especializadas. Mas será que é preciso utilizar essas mídias para atingir os clientes? Como fazer com o pouco recurso disponível? Vamos analisar essas questões.

2. Quanto investir em divulgação?

Não existe regra para “separar” ou determinar parte do lucro para as ações de comunicação.  Mas é importante que o valor a ser investido – seja ele qual for – seja definido com antecedência. Só assim você tomará decisões acertadas.

Planeje as divulgações de um período a partir do público que deseja atingir, das características do mercado da empresa, e dos objetivos de divulgação. Ao agir assim, você perceberá que haverá meses de maior ou menor desembolso, de acordo com as ações. Perceberá também que a divulgação que:

3. Divulgação é tudo preciso?

A comunicação de uma empresa faz parte do plano de marketing. Para elaborar um plano de marketing com estratégias simples indicamos o material “Como Elaborar um Plano de Marketing no site do Sebrae Minas. Nele, você vai entender que tudo começa com os seus objetivos. Tanto as decisões de divulgação quanto as de marketing como um todo. E também vai perceber que fazendo passo a passo, essas decisões se tornam mais simples e eficazes.

Com esse material, o empreendedor terá conteúdo para desenvolver o seu próprio planejamento. Planejar é importante, já que o recurso disponibilizado para a comunicação deve ser bem aproveitado. Um planejamento de marketing não garante a boa performance. Ele  funciona como uma ferramenta para conseguir:

  • alcançar os objetivos,
  • identificar seus públicos,
  • definir estratégias de preço,
  • evitar retrabalho, e
  • impedir o desperdício de dinheiro.

4. A divulgação substitui o atendimento?

Muitas vezes não é necessário a utilização de mídias tradicionais e caras. Dependendo do segmento da empresa, o cliente vai gostar mais se for bem atendido. Ou quando ligar para a empresa tiver seu problema prontamente resolvido ou encaminhado.

5. Como aproveitar os recursos digitais?

 Vivemos em uma época de grande expansão dos negócios através da internet. O marketing digital pode ser uma importante estratégia de negócios. Isto vale para o contato com o cliente e para as vendas. E pode ser feito por meio de um e-commerceblogs, e-mail marketing, redes sociais, etc.

A divulgação nas redes sociais é importante e tem custo bem mais baixo. O importante é adequar o perfil da empresa, escolher a rede social que combina com o perfil dos clientes e com o mercado que se quer atingir. A utilização do marketing de conteúdo também pode ser uma boa estratégia. Ele pode ajudar a manter o cliente informado e fiel acompanhando o que acontece na empresa.

Quanto à página da empresa (o site institucional), e à página do e-commerce (vendas), seja criterioso. Elas necessitam de um pouco mais de cuidado e normalmente vão custar mais por ser necessária uma equipe para desenvolvê-las. O blog custa menos, mas precisa de cuidados com empresas hospedeiras,  designer e desenvolvimento de conteúdo.

6. Quando ser pequeno é uma vantagem?

Em alguns momentos a pequena empresa sai na frente das grandes e multinacionais. As pequenas e micro empresas têm a vantagem de estar mais próximas dos clientes. Com isso, elas podem:

  • atender melhor,
  • conhecer em detalhes as necessidades,
  • falar olho-no-olho,
  • chamar o cliente pelo nome,
  • conversa de forma mais próxima e humanizada.

Conversando pessoalmente com o cliente, o empresário e sua equipe podem tirar dele informações que ajudarão nas decisões futuras. Isso permite atender melhor as necessidades que o cliente mostra ter.

O importante é se munir de informações e conhecimento. E também fazer um bom planejamento, inclusive com custos e orçamentos. É preciso também escolher as melhores estratégias para que o cliente saiba que a empresa existe. Com isto, sempre que ele precisar, vai procurar a empresa que o atende com seu produto ou serviço.

É isso! Capriche no planejamento das ações e coloque sua empresa na memória e no coração do cliente.

Baixe Grátis

Cartilha sobre a boa divulgação da sua empresa